Vania Assunção: “Dia dos pais, onde estão meus...

“Dia dos pais, onde estão meus filhos.”

Vejo o mundo a minha volta estou só;
Onde estão meus filhos, que me colocaram no asilo.
É doloroso ficar horas e horas olhando para as paredes pensando
no sorriso dos filhos...
Já que pra você aqui, é um bom lugar porque não se muda pra cá
Eu fiquei velho meus filhos vocês vão ficar também
Talvez venha ser motivos de discórdia vai dar trabalho perturba o sono
...do seu filho,ele não se lembrara de que fico acordado
muitas com ele no colo...
e teve que trabalhar com sono
Espero que não fique doente, pois velhos doentes muitos asilos não aceitam...
“Não tem enfermaria a noite”
E também corre o risco de ir parar em asilo atua de maneira clandestina,
sem atender a requisitos básicos como higiene, alimentação e segurança.
Hoje estou velho criei meus filhos e hoje me jogam num asilo.
Trapos que não servem mais pra nada, que já foi vestido
de formaturas, ternos de alta costura.
Um homem calado e de vida dura.
Esquecido num asilo cheirando a mofo, trancafiado atrás das barras
de solidão e preso aos grilhões pesados da espera.
Filhos que não dá amor aos seus velhos pais e;
Uma sociedade que não respeita os seus anciões e
proteção às suas crianças não é civilizada, é bárbara.
E a nossa civilização é assim.

Inserida por vaniaAssuncao