Pedro Pondé: Sim eu quero te ver quando o sol nascer...

Sim
eu quero te ver quando o sol nascer
ver o seu sorriso se abrir
e quando o sol se pôr
poder te beijar
Vendo o Deus do fogo mergulhar
no mar

Hoje eu me lembro das coisas
que você me falou, não
não me arrependo de nada (quase nada)
do que eu te disse
Acreditava no amor
em viver com você
caminhar lado a lado
construir nossos sonhos
pra depois mergulhar
mergulhar

Mas nada
vai me fazer voltar atrás
mas nada
vai me fazer
tudo passará

Mas é tão difícil de esquecer os erros
teus e meus
e é quase impossível

Sigo a vida com a cabeça erguida
trago no corpo feridas
que com o tempo
fingem parar de doer
Sigo a vida com a cabeça erguida
trago no corpo feridas
que com o tempo

Mas quando eu olho pra você
os teus olhos ainda me iludem

Mas nada
vai me fazer
voltar atrás
Mas nada
vai me fazer
tudo passará

Inserida por britomari