Jon Rebello de Carvalho 666.: Em noites densas e vazias No silêncio...

Em noites densas e vazias
No silêncio de Meus momentos
Sinto o silêncio total
Um buraco infinito na Alma e no coração
Apenas o sangue percorre os segundos
Em noites Sombrias
Na qual Minhas mãos suam Fria
Meu corpo se extremesse
Não consigo raciocinar
Porque Tudo me é pavoroso...
Até me descobrir em um Mundo Melhor
O Mundo dos Mortos...

21/07/2009/ter..fª 18:26 pm
Lord Jon D@rkboy Gothic