Ernesto Martins Faria: As lágrimas decorrentes de uma...

As lágrimas decorrentes de uma lembrança são um sinal de vida, de emoções e de que páginas foram escritas. Ter lembranças que te levam às lágrimas na frente de outras pessoas é permitir que sentimentos como pena e inveja sejam deferidos acerca de sua vida, permitir que indivíduos intuam conhecer suas emoções sendo que nem você próprio as conhece e se sujeitar a ouvir essas pessoas te dando conselhos de como mudar o enredo de sua história, como se compusessem como Shakespeare.



Trecho do capítulo 3 do rascunho do livro Garotos Também Amam(http://www.4shared.com/file/118982513/7748a38/Garotos_Tambm_Amam_preview__at_o_cap_8_.html). Escrito de Max sobre o porquê de não conversar com outras pessoas sobre seus sentimentos e/ou lembranças.

Adicionado em 21/07/2009 por Ernesto Martins Faria (ernestomf@ibmecsp.edu.br)

Inserida por ernestofaria