Virginia Pedras: Bebi de tua alma Bebi de tua alma E...

Bebi de tua alma

Bebi de tua alma
E sinto na boca
Toda a polpa
Do sentimento que te alimenta.

Bebi de tua alma
E senti-me em cada grumo
Da seiva que te roubei.

Bebi de tua alma,
E agora sei,
Sou fruta rude
Que espremeste.

Bebi de tua alma
E sonhei como sonhaste
Quando me bebeste.

Inserida por vpedras