Felipe nobre da silva(chato): neste amor de brevidade onde não existe...

neste amor de brevidade
onde não existe aquela verdade
que tal um chá da tarde
terminando com um beijo na grade
onde só la existe existe realidade

um amor na banheira dura a tarde inteira
que rock calmo
onde o pão amaçadopelo livro jogado
não existe amor quando to só
mais sim quando vc da um nó
um nó em nossos coraçoes

vamos pacear no tenhado pros vizinhos pençarem q estamos drogados
drogados de amor
um amor q não conheço um amor inrreconhecivel aos olhos de qwuem numca amou!!!

nao precissa deixar recado no varal
qualquer coisa vindo de vc é anormal
pq a gente é assim,assim,assim.
semp´re olhando pros outros com um sorriso sem fim
sem fim sem fim

eu não aguennto esse tormento com um beijo a cada momento
como se o sentimento viesse do relento
para q a cada momento não precissase de argumento
pra poder expressar algum sentimento.
sentimento
a palavra do momento
o momento sempre vem com um sentimento.

Inserida por Felipenobre