Ramon Pestana: Incondicional Stop! A garganta cansou A...

Incondicional


Stop!
A garganta cansou
A voz falhou
A vida empacou

Sim,
está na hora de mudar
melhor do que estar
é como tem que ficar

penso até em morrer
se acaso acontecer
não sei se vão perceber
prefiro nem saber

entre medos e tropeços
pouco lhes ofereço
infeliz busca do acerto
apenas padeço

é melhor fingir
do que se ferir
é melhor escapar
do que se arranhar
é melhor interromper
do que se querer

se ajoelhes a mim
agora pode pedir
não gosto de ti
some daqui

Não vou mais esperar
E se eu não encontrar
O que vou fazer...
Novamente morrer...

Então é assim...
Saio daqui
Me escondo ali
Só não me faz infeliz

E quando eu voltar
Quero para você olhar
Mesmo que eu tente escapar
Outro alguém escalar
Você tem seu lugar

Inserida por Pesttana