Julioaukay: É impura á matéria que se arrebenta...

É impura á matéria que se arrebenta em meu coração com uma intensa dor vivente.
Não se faz sentido derramar lagrimas por minha alma errante com um amor intenso.
Minhas duvidas é unicamente na saudade que me atormenta o doce amor com a incerteza de uma inspiração concreta que se desfaz.
Seus suspiros e múrmuros se mostram com o seu carinho e paixão, seu coração não se faz pávido aos sentimentos que lhe conquistam.
As flores saúdam sua beleza que de tanta intensidade provoca invejas as demais beleza de um universo infinito porem único.

Inserida por JULIOAUKAY