Escrevo o que sinto: Doença amorosa A quem me devo queixar?...

Doença amorosa

A quem me devo queixar?
Qual é o ombro onde posso chorar?
Vejo-me sozinha...
Estou perdida!

Sem forças para lutar...
Estou a desfalecer!
Sozinha tenho que continuar,
E também por ti sofrer!

Oh doença perigosa,
Percorres meu corpo
Com uma pressa fogosa!

Matarás o meu ser?
Porquê tão alto imposto?
Só quero amar e viver...

Inserida por escrevooquesinto