Desconhecido: Sou um poema inacabado. Guardado....

Sou um poema inacabado.
Guardado.
Esperando que se escreva o final.
Sou o bem.
Nunca o mal.
Sou flor seca, murcha.
Na rua estendida.
Um ser quase sem vida.
Que guarda na sua essência a própria vida.
Sou sabe o quê?
O que sorri quando tu passas.
Que faz graças.
Pra ninguém.
Eu sou o bem.
Minha linda.
Sou bem.
Mesmo neste mundo que me julga um ninguém

Inserida por saturnonet