Raphael Santos Araujo: Você não, logo você, não! Sentimento...

Você não, logo você, não!

Sentimento não se planta ele nasce sozinho e nos deixa fracos a um toque, um sorriso ou um olhar, e nada podemos fazer apenas sentirmos. Não por querer, mas, por não conseguir não sentir.

Não existe explicação ou formula secreta para isso. Tentamos lutar contra e sempre perdemos, então, escondemos mentimos para quem mais queremos dizer a verdade.
Prendemos-nos a um segredo que nos coloca lado a lado com o medo de não sermos compreendidos, de não sermos recompensados. Por que sabemos que esse sentimento não nasceu com o tempo ele chegou do nada, já veio grande e te trouxe dentro dele um sentimento que de tão grande me sufoca, me traz medo, elimina todas as barreiras que levei anos para construir, para me manter só, eu já tinha me acostumado com a solidão, com a dor de não conseguir sentir, mas, eu sabia que um dia isso iria acontecer só que eu jurava que não seria você. Mas você vem destruindo barreira por barreira e se fixando em meus pensamentos, e está cada vez mais perto do meu coração.

E isso me deixa confuso, entre um momento e outro me pego pensando em você, se fecho os olhos é você quem vejo e nos meus sonhos você esta presente.
Você esta me enfraquecendo, mas ainda encontro força para te manter fora do meu coração. Essa força vem de saber que somos diferentes, que tem algo que você não diz um segredo que é só seu. E você é nova de mais para eu deixar um sentimento como esse crescer.
E como não podemos escolher quem amamos. Vou lutar até houver forças. E se eu não conseguir... e se for realmente para sentir, não importa o que eu faça você vai crescer dentro de mim e a única coisa que poderei fazer é esconder isso do mundo todo...

Inserida por raphael.rsa