Tiago landeira: a linguagem dos pincéis. Uns entendem,...

a linguagem dos pincéis.

Uns entendem, outros não.
Uns tantos se apaixonam até amar, até pintar!
Poucos até capturar a sensibilidade do instante, até perder a idéia lógica, até crer no vazio, no inútil... na descrença.
Até ultrapassar os limites físicos, até superar o vindouro, até chacoalhar a imaginação do leigo, até se desviar dos reflexos da atenção, até despir o ego e gotejar sobre a tela o amor. O ódio.

Coagula a tinta e com ela a voz e a fala. Se expõe a mensagem.

Com o extrato de todas essas coisas vai revelar os abismos, o segredo e o mistério.
Com o extrato de todas essas coisas vai vingar os loucos, purificar o seu mundo e o de outros e nunca vai morrer.

Inserida por landeira