Elivieira: Coração ingrato Um dia, busquei por...

Coração ingrato

Um dia, busquei por alguém
Que soubesse ler meus olhos
Que soubesse reconhecer desejo
Que soubesse enxergar magia
Que soubesse me fazer feliz
E com num passe de mágica
Você apareceu!
Eu avisei ao meu coração
Pra ter cuidado e não sofrer
Tarde demais...
Meus olhos encontraram os seus
Meus lábios tocaram os seus
Meu corpo juntou-se ao seu
Meu coração já não é só meu!
Coração ingrato!
Falei pra ter cuidado
Falei pra não sofrer
Falei pra não se entregar.
Tarde demais!
Agora, não sou mais eu
Sou eu e você

Inserida por elivieira