George Smith: Se não há um deus, estamos corretos;...

Se não há um deus, estamos corretos; se há um deus indiferente, não sofreremos; se há um deus justo, não temos nada a temer pelo uso honesto da racionalidade; mas, se há um deus injusto, temos muito a temer - assim como o cristão.

Inserida por sageiv