Arthur Bonfanti: "... mas foi ai que me deparei com...

"... mas foi ai que me deparei com ela; a menina mais perfeita que havia visto nos meus treze anos de vida. Ela andava como se estivesse caminhando em algodão, seu cabelo, que mais parecia fios de ouro, balançava a brisa, que congelava a parte da minha mão onde a luva não cobria, seus olhos brilhavam feito lua refletida em água doce. Cheguei a pensar que era algo divino, aquela sensação me passou o corpo inteiro. Quando a perdi de vista, pela primeira vez na vida, comecei a rir sozinho, rir de alegria; mas a minha vida foi sempre assim, feita de sonhos e ilusões."

Inserida por arthurbonfanti