José Carlos Ary dos Santos: Em ti persigo em ti percorro cavalo à...

Em ti persigo
em ti percorro
cavalo à solta
pela margem do teu corpo.

Minha alegria
minha amargura
minha coragem de correr contra a ternura.

Por isso digo
canção castigo
amêndoa travo corpo alma amante amigo
por isso canto
por isso digo
alpendre casa cama arca do meu trigo.

Meu desafio
minha aventura
minha coragem de correr contra a ternura.

Nota: Trecho da letra da música "Cavalo à Solta"

Inserida por solitaria543