Maysa: Não foi só a noite, foi mais...

Não foi só a noite,
foi mais silêncio.
Tua ausência me buscou;

Não veio lágrima,
o dia já vinha
e só tua ausência
foi que ficou.

Ficou sozinha
com meu eu antigo,
e se entenderam,
se completaram.

Então a lágrima
caiu baixinho
no que restava
do teu carinho.

Nota: tradução de um poema em espanhol de Maysa

Inserida por henriquenasci