Marques Bueno: “Vida simples” Sujeito aos tropeços...

“Vida simples”


Sujeito aos tropeços de uma vida iniciada com os conselhos de sábios inconseqüentes, traduzindo frases cada vez mais obsoletas e apimentadas de vícios vazios.
Trapaceando com quem nunca ninguém conseguiu enganar, ultrapassando pequenos espaços que sua mente não viu e o que viu ninguém lhe pediu.
Uma vida repleta de crises e mesmo assim vou sorrindo, estragando tudo que fora planejado e ainda assim conseguindo o que se imaginou, ou seja, um fim.
Um bom dia a tudo que se criou, uma vida sem atrativos, uma vida em dissabor, desenhos incolores, assim vou partindo.
Não quero a vida de um desgraçado, não quero uma vida bandida, quero apenas poder respirar, ter domínio de meus dias, cantar e poder ser ouvido, chorar e esquecer do martírio,gritar e ouvir vários xingos.
Esta é uma vida exemplar, não peço nada demais, espero apenas paz e alivio.

Inserida por MARQUESBUENO