Marques Bueno: “Precioso segredo” P reciso de...

“Precioso segredo”



P reciso de perdão, mas não de amigo;

R eceio tudo ter sido em vão, belo castigo;

E spero pra te dar a mão, sinto perigo;

C aminho pela contramão, busco um artigo;

I nsisto nesta direção; estou perdido contigo;

O vento muda a estação, quebrando o trigo;

S audades não aprecio, vem ficar comigo;

O uço apenas uma voz que vem do velho jazigo;




S ugiro uma distração, lindo rosto sorrindo;

E scondo de meu coração, mas estou partindo;

G aroa é meu choro e meu corpo vai caindo;

R ebato teu sentimento e assim continuo fugindo;

E stou sofrendo por amor, um dia acabo não resistindo;

D oi saber o quanto se ama, finjo estar dormindo,

O segredo é sabido, não escondo de ninguém o que vou sentindo.

Inserida por MARQUESBUENO