Lou Bertoni: QUINTANICES Eu sei, meu bem, eu sei......

QUINTANICES

Eu sei, meu bem, eu sei...
Onde vão parar as notícias, as cartas errantes,
Onde estão as delícias, os amigos distantes,
Os guarda-chuvas perdidos, as promessas dos amantes.

Eu sei, meu bem, eu sei...
Onde estão os amores, o presente bizarro,
Onde estão os cantores, aquela chave do carro,
As maletas esquecidas, o seu último cigarro.

Eu sei, meu bem, eu sei...
Onde estão as malas, os arquivos sumidos,
Onde estão as balas, os pacotes esquecidos,
Aquela nota que foi paga, todos os objetos perdidos.

Nada sumiu de verdade...
Segundo o poeta e sua lógica, giram enquanto eu durmo
Hoje são poeira cósmica, viraram anéis de Saturno.

Inserida por kasulo