Luna Moonares: "Perdi o meu incentivo de acordar...

"Perdi o meu incentivo de acordar todos os dias
E não ter minha dose diária de alegria.
É isso que aconteceu.
Fiquei viciada na alegria, e cada vez quero mais, e enlouqueço se viver sem.
Preciso desesperadamente dessa substância dominando e queimando..em minhas veias.

Porém,infelizmente essa alegria só é liberada por uma pequena e significativa coisa: amor.
Sim, o amor é uma droga, literalmente.
Não existe essa coisa de ter uma vida antes ou depois dele.
Só há o durante, e nada mais.
Você descarta a possibilidade de ter tido um começo, e adepta-se ao impossível fim. Porque não tem pé, e muito menos cabeça.
E como a cocaína, você se torna dependente desta droga. Quando faz uso dela, a felicidade é tão delirante que até se esquece dos problemas que virão com a ausência desta. Além dos problemas que virão com a ausência dele!
Sim, dele.
O pródigo amor.

E basta apenas uma dose.
Segundos ou menos.
E você já esquece que teve, que tem uma vida, e vive por.
Chora por.
Enlouquece por.
Morre por.
E não há outra volta.
A não ser que combata-se com outra droga, o que o leva direta e imediatamente para reiniciar todo este labirinto, mais uma vez.
Tornei-se escrava do meu próprio prol.
E é desta forma que eu estou.
Sem poder recorrer a droga, sem poder manifestar um desejo por ela, por causa de um vírus chamado orgulho.
E permaneço dessa maneira, em uma suplícia abstinência.

Enfim, o ser humano não é feito somente de carne, mas também de sonhos..e desesperos."

Inserida por raaafis