Johnatan Oliveira Wanderley Santos: Natureza, misteriosa natureza, Há...

Natureza, misteriosa natureza,
Há tempos sua presença habita meus sonhos,
Seus bosques escuros,
Sua voz estrondosa como trovão, suave como o cochichar da brisa.

Sinto falta dos tempos em que em seus rios nadava,
Sua beleza contemplava,
O canto de seus pássaros admirava,
Em seus palácios de pedra habitava meu espírito.

O arco-íris nossa aliança, selava o casamento,
Mas com o tempo me acomodei,
E sem perceber te maltratei,
A água que bebo contaminei, o ar que respiro polui...

E agora com esta carta venho implorar seu perdão,
Sem teu abraço, sem teu sorriso não posso ficar,
Mas agora percebo que só não sofro,
Pois juntos sempre estivemos, e juntos morreremos.

Inserida por aeroaviador