Tânia Mara Camargo: ARRANJÂNU O CASÓRIU Sinhá! Pra modi...

ARRANJÂNU O CASÓRIU

Sinhá!
Pra modi nun dá azá e o casório dá pra trais, pedi a sinhá Genaura que sua carta ditasse.

O vistido num quero vê. O azá é pra valê
O ternu num tem a precisão. O cumpadri Zé das Linhas já se aprometeu de presentiá. Antão ocê se adiscurpe podi disincumendá.

Os retrato é coisa mais moderna, é maquina digitá?
Aqui só tem lambe-lambe e aqueles de estorá.

Ihhh! O tempo fechô tá Armani o maió temporá.

São Caetano e Sumpaulo nois vimo na parabólica, empataro jogano bola e nem pudia. Mais num sabia que de vestido eles intendia.

Cezarina é o nome do fio do Cumpadi Lesbão, que morreu de disgosto adispois do filho virá frô.

Uai! Quem foi que disse que num sei o que é grifi .. e as chave que nois usa pra modi apertá os canu de água.

E coisa de arta roda aqui é tratô. Tem cada bruto que só veno como eles são grande.

Sinhá, só pra se alembrá se acaso trazê arguma coisa de usá as força de luz. Aqui é tudo 220 Voigts.

Uái! Ocê convido o prefeito?
O povo aqui num gosta dele! Nois votamo tudo nele e inté hoje num cumpriu as promessa.
Antão vô convidá o delegado e os puliça.

Ê festão!

Sinhá! Amo ocê!

Inserida por anaferreira