Mestre Arievlis: Cada um de nós somos como paralelas,...

Cada um de nós somos como paralelas,
vivendo os momentos de alegria ou tristeza.
Passamos uma existência tateando na luz
e na escuridão. Às vezes nos olhamos,
percebendo que ainda há tantas coisas,
que gostaríamos que acontecessem,
tanto amor para ser vivenciado,
tanta alegria para ser dividida,
tantos sonhos para serem materializados,
tanta vida a ser vivida com maior intensidade.
Nos acomodamos na rotina diária,
e vamos deixando que a graça desapareça.
Nossos passos na ponte da existência
se tornam vagarosos e cheios de medo.
Mas há que se olhar a linha do horizonte,
a partir do nosso amoroso coração criança,
e então sim, paralelas que somos
encontraremos a resposta,
ouvindo o eco das batidas de outro coração.

Inserida por mestrearievlis