M.Jardim: SENDO NÓS, SEM VOCÊ. Num todo qualquer...

SENDO NÓS, SEM VOCÊ.
Num todo qualquer dia...
Acordou lembrando,
sonhados sonhos
de noites sem sono.
No rosto sentiu,
brisa como carinho.
Vislumbrou pegadas dobradas
na praia, por todo caminho.
Experimentou agridoce fruto,
ou mesmo simples chá.
E lembrou...
Se o mar te pareceu
morno, envolvente.
Éramos nós!
Cá dentro da gente.
Sendo você, sendo eu.
Ardor do amor sem dor.
Presente, ausente, onipresente.

Inserida por MJardim