Jaak Bosmans: Letras em jogo Pegam-se todas elas sem...

Letras em jogo

Pegam-se todas elas sem distinção
Nem de cores nem valores
Algumas sempre vêm repetidas
E há curingas misturados.

No tabuleiro branco do papel
Distribui-se uma a uma sem apostas.
No jogo participa apenas nós dois
Minha razão e a minha emoção.

Às vezes na melhor jogada ganha a razão
E sorrindo a emoção mostra o curinga.

Confusão final na contagem dos pontos
Se a cedilha vale mais que dois esses,
Se abajur pode ser em francês
E se homem ainda é com H.

Na poesia as letras nunca se embaralham,
Apenas o poeta se perde no meio delas.
E ao final deste jogo tão disputado
Poeta vencido... a poesia ganha!!!


Jaak Bosmans 5 -04 -09

Inserida por JaakBosmans