Willian S. Troyan: Palavras ao Sol Ao gritar ao Sol as...

Palavras ao Sol

Ao gritar ao Sol as tristezas que tive,
Assim como eu que se afasta de quem ama
P'ra não queimar com sua nobre chama
Simplesmente iluminar à distancia que chora.

Fadado a machucar seu amor ao toque
A privar-se da alegria forte
Viver na solidão até a morte
P'ra que seu amado não sinta o que sofre.

E assim como eu também é escondido por nuvens,
Nuvens que negram, e destroem a alegria de viver
Mas que o amado não se importa, e se esforça p'ra não ver.

Meu fado é triste e lastimavel.
Mas é belo e doce...
Se comparado ao meu amor sofrer.

Inserida por milolble