Heman h heabert: Agora que tu voltaste Depois de tantos...

Agora que tu voltaste
Depois de tantos anos de luta em gloria pelo mundo alem
Vem comigo!
Oh alma do abandono
Vem vaguear um pouco pela cercamilha da humilde casa
Que evitaste outrora
Chega de Amim não tenhas medo
Eu sou teu guia do espírito do bem que a muito te acompanha
Vem comigo rever o pomar
Onde à tardinha aves enamoradas vinham falar de amor
Do alto das ramadas
Era aqui a sombra desta arvore ressequida hoje
Órfão de folhas e de flores que a sombra de sua vida
Enternecida entoada as canções dos teus amores
Tudo deserto esta a fonte do deceu
A passarada aqui não gorjeia mais
Nem se houve o voseiril da criançada
Nem a voz de seus pais
Conta poeta de franje acaricida
A tua historia como vida de homem que muito amou
Que muito sofreu
Conta que hoje sozinho sem nada teres realizado
Vá seguindo teu caminho
Abençoando no presente o que sofreste no passado

Inserida por JuraciSilvaMG