Leonardo ítalo inácio (leo bala): As entrelinhas de um sorriso. Refugio a...

As entrelinhas de um sorriso.

Refugio a céu aberto
Labirinto de apenas uma esquina.
Vida sem graça, cheia de nada e fazia de tudo..
Ilusão vivida e realizada. Desespero a um passo.
Às vezes tenho a impressão de nada mais dar certo, de nada ter importância.
Vontade de sumir, de explodir.
Procuro me segurar em coisas simples, coisas boas, mesmo que sejam bem pequenas.
Lutar sempre foi minha sina, meu lema, minha vida.
Por mais que a batalha seja grande e a vitória improvável, sempre estou de armas em punho e com a cabeça erguida pronto para o confronto.
Ferido, coração sangrando, pernas bambas, cheio de sempre a corda arrebentar do meu lado mais em pé, firme ainda.
Respiração ofegante, ódio nos olhos, nervos saltitando e ainda mantendo o controle.
Mesmo estando com a vida sem cor e não ter mais para onde correr e nem me refugiar.
Mesmo estando ao relento e vivendo esta agonia, ainda assim vejo um brilho na vida.
Sei que um dia mais cedo ou mais tarde vou sorrir verdadeiramente, e não mais para fazer pessoas se sentirem bem, ou para provar a mim mesmo um nem sei o que.
Ainda vou sentir o gosto do fim desta saga com um arco-íris ao fundo.
Mais até que isso se torne uma realidade vou apenas mostrar meu sentimento com palavras escritas e voltar para a escuridão onde travo minhas batalhas.

Inserida por leobala