Fabio Esteves: Para onde você for . . . E nós que nem...

Para onde você for . . .

E nós que nem sabemos o quanto nos queremos
Que nem sabemos o tudo que sentimos,
Que nem sabemos o quanto nos amamos.

Você surgiu como as manhãs que todos dos dias despontam nos olhos meus.
Surgiu como alimento que sacia minha fonte de vida.
Você surgiu de repente, me deixando sem saída.

E nós, que descobrimos a felicidade que é viver,
Estamos sós, laçados em dois nós, um que é meu beijo, o outro os lábios seus.

Não sei sair cantando sem contar a você
Que agora sei o que é amar, mas ainda conto com você
Que vou prosseguir, mas só se for para seguir você
Para onde você for, ou onde quiser me levar.

E eu, que pensei que nunca encontraria o amor,
Ouvi uma voz no meu interior dizer: Ela é tudo pra mim.
E o tudo ainda é pouco comparado a intensidade do amor meu
Por você.

Inserida por fabioesteves