Zuenir Ventura: Costuma-se exaltar a cabeça como fonte...

Costuma-se exaltar a cabeça como fonte da razão e denunciar o coração como sede da insensatez, como músculo incapaz de ter autocrítica e de ser original. Que seja assim. E daí? Nada pior do que uma idéia feita, mas nada melhor do que um sentimento usado. A cabeça pode gostar de novidade, mas o coração adora repetir o já provado. Se as idéias vivem da originalidade os sentimentos gostam da redundância. Não é por acaso que o prazer procura repetição!

Inserida por tamebertolla