Mauro Anastacio: Borboleta Ousada Passa leve, passa...

Borboleta Ousada

Passa leve, passa passando.

É uma com a brisa
É uma em encanto

Cores vivas que dançam sem compasso

Sem rumo ela vai,
sem rumo ela volta.
Como uma criança,
quando o pai a solta

Curiosa,
ela pousa ousada.
Calma Borboleta,
eu te quero bem.

Inserida por MauroAnastacio