Rô Smith: Tempo Não o percebia ; era tempo de...

Tempo


Não o percebia ;
era tempo de jogar, novos amigos,
novos brinquedos.
Tudo resumia em uma única coisa:
- Diversão.

Era PRIMAVERA.


Dias quentes;
novos amores, outros sabores;
o corpo queimava
e sentia o furor do sol em mim.

Era VERÃO.


A calmaria.
Algumas certezas, o aconchego do lar;
consolidavam-se laços em novos abraços,
percebia o tempo passar.

Era OUTONO.


Como o vento, sinto-o chegar.
Passa-me!
Percebo-o nas mãos, no rosto,
cabelos, por todo corpo...
Antes, o que era apenas uma brisa suave,
tornou-se um vento frio...
Agora, apenas observo
o INVERNO chegar!

Inserida por Ro-Smith