Denis: Debruçado em minha janela pude ver...

Debruçado em minha janela pude ver pássaros a cantar.
Seu canto belo e majestoso perdia-se na distancia.
Havia também beija-flores, colibris multicores a beijar
incansavelmente a bela margarida que até parecia retribuir
com sua doçura ao beijo de seu visitante fã.
E eu ali admirado com tanta beleza e visões que a natureza
oferecia-me naquele momento tão lindo e gratificante.
Agradeço aos céus e aos (DEUSES) por me proporcionar tão
rara e divina beleza da natureza.

Inserida por sou-denis