Miguel westerberg: ? Interrogações, nada mais do que...

? Interrogações, nada mais do que interrogações e mais uma vez a humanidade se encontra na corda bamba. O pior de tudo é que nada estamos a fazer para mudar nossos destinos. Perante estas circunstanciais a humanidade entra pela primeira vez em contradição consigo mesma. Arte e todas as suas vertentes, os lideres e seus idéias, estão corrompidos de tal forma que: a ignorância se tornou algo de útil nesta dita sociedade sem fronteiras.

Inserida por israelwest