H2: Imensurável como o mundo, por todo o...

Imensurável como o mundo, por todo o mundo;
De onde vem esse estranho sentimento;
que me faz sentir assim: tão estranho?
E porque tentar compreendê-lo, se é bem mais fácil apenas senti-lo?
Afinal o amor não seria tão estranho e nobre se pudesse ser descrito com palavras.

Oh! Criatura terrestre, tu, filha do Pai Celeste és para mim a mais bela e importante criação
Amo-te como se esse amor fosse tão importante quanto minha própria existência,
Embora insignificante seja a minha existência.
Deixe me perder em seus braços, e me encontrar em seu coração.

Quero tocar teu corpo, sentir teu cheiro, acariciar teu rosto, provar teus beijos
Quero que me deixe louco, de tanta emoção, envolver teu corpo e ouvir teu coração

Amo-te tanto pequenina, como um ser onipresente, amo te a cada instante, amar-te-ei eternamente.
Amo-te, presente em saudade, quando estais longes de mim. Amo teu corpo em verdade, num platônico amor em fim.

Tua voz que me acalma e me deixa em grande paz, são como as mais belas canções dos anjos celestiais.

Olhe-me com o vosso coração,
E serei o mais belo dos mortais,
Ouças o que meus olhos dirão,
E não te direi- mentiras, jamais.

Ouças o meu coração e verás,
Que eternamente irei te amar.

Imensurável como o universo,
E por todo o imenso universo.
Estranho sentimento, que me faz sentir assim: estranho demais.
Tente me explicar o que é o amor.
Para que eu nunca sita dor.

Inserida por H2