Demétrio Sena - Magé-RJ.: Essa coisa de amar como quem despetala,...

Essa coisa de amar como quem despetala,
feito bala de afeto que a boca derrete,
lua toda melada entornando no céu,
é papel que a caneta interpreta na mão...

Inserida por demetriosena