Fabiana Thais Oliveira: Inesperadamente Seria privilegiada esta...

Inesperadamente

Seria privilegiada esta noite
Se abraçados estivéssemos...
Dentro deste cômodo,
Esta a voz do pensamento
Chamando-te inesperadamente.
É madrugada,
Talvez você pense que estou a dormir,
Sem imaginar que estou fazendo planos;
Planos os quais estão apenas eu e você.
Enquanto quase todos dormem,
Fico a liberar pensamentos
Os quais te trazem até meu quarto.
Desejo-te inesperadamente
Como se tudo roda-se em torno de você.
É inconstante este pedido,
Pois sei que o melhor agora é dormir,
Para acalmar todas as partes do corpo.
Desencontro a calma
E busco você inesperadamente
Como se eu tivesse certeza que irei encontrar.
Inesperadamente estou aqui,
Sem saber como ficar bem sozinha...
Fico sem ter idéias,
Pois só sei ficar a implorar
Inesperadamente sua presença,
Para que satisfaça meu prazer
E mate a falta que estou do seu corpo...

Inserida por gllaucynha