Luan Paz: As horas passam. Os dias se vão com o...

As horas passam. Os dias se vão com o tiquetaquear do relógio e eu continuo a procurar, a esperar! É incrível como ainda me vem na cabeça às saídas das pessoas, me vem como um djavu, como paralelos que já deveriam ter sumido.
Às vezes me pergunto se estou fazendo o certo em procurar ou se devo esperar, não que eu queria me acomodar mediante a tudo que se passa na vida, é que nos últimos dias, a vontade de fica aqui nesse quarto e me alto excluir do mundo, é uma das soluções pros meus momentos, é o método mais pratico pra tentar por as coisas no lugar.
Pessoas me dizem que devo continuar a caminhar, oportunidades não faltam, mais o medo é constante e eu não posso negar! Aquela esperança de viver caminhando e procurando, tão sumindo rapidamente, não consigo me compreender, não consigo reagir frente aos problemas, já chorei já sorrir, agora quero mesmo é descansar em paz, quero deitar na minha cama e ao som de musicas lento, relaxar e procurar em meus pensamentos, o jeito mais fácil de me enganar, por que não posso negar, eu preciso muito amar!
È estranho esse meu jeito, eu poderia muito bem procurar viver sozinho, procurar ser mais um amigo que adora sair, adora pegar geral e não se sentir preso a nada! Mais eu não consigo, é algo mais forte que eu, sou algo que vem La do fundo e que sempre me diz pra amar, pra fazer loucuras, pra ser feliz!
Hoje, só por hoje, eu me vejo no espelho e aquele frio na barriga, me machuca, aquele mesmo frio que eu sentia quando achava que tinha te encontrado, aquele mesmo!
Palavras, palavras e pensamentos, anceios e duvidas tristezas e alegrias, é tudo assim, sem respostas!

Inserida por Luanpaz