Joesmiro: EU AINDA FALO DE FLORES E DECLAMO SEU...

EU AINDA FALO DE FLORES E DECLAMO SEU NOME;
MESMO MEUS DEDOS ME TRAEM, DISCO SEU TELEFONE
É MINHA CARA, MUDEI, MINHA CARA
MAS POR DENTRO EU NÃO MUDO
O SENTIMENTO NÃO PÁRA, A DOENÇA NÃO SARA
SEU AMOR AINDA É TUDO, TUDO
NAQUELE MOMENTO ATÉ HOJE ESPEREI VOCÊ
NAQUELE MALDITO MOMENTO ATÉ HOJE, SÓ VOCÊ
EU SEI QUE O CULPADO DE NÃO TER VOCÊ SOU EU
E ESSE MEDO TERRÍVEL DE AMAR OUTRA VEZ... É MEU

Inserida por berna