Maria Amelia S. P. Alves: As estrelas caíram no chão Será que a...

As estrelas caíram no chão
Será que a paixão se foi como o furacão?
A noite se tornou imensa solidão
Eu não lhe seria útil sempre
Essa amizade não poderia continuar assim
Estalou o olhar no meu
E o sonho se perdeu
Alucinado com os nervos tremulos
Já não sei se devo entorpecer com seu olhar
Foi tanta a tormenta e vontade
Que o medo conseguiu expelir a emoção
A tristeza hoje é um silêncio hostil
A chama que ardia é agora uma saudade insuportável
Meu coração plangente
Soluços ao luar
Pensamentos de lamentos
Um tempo para refletir
Enquanto as lágrimas cairem
Vendo você partir
Será o fim ?
Não vou te esquecer
És um pedaço de mim...

Inserida por mariaameli