Daiane silva: as coisas nem sempre são como as...

as coisas nem sempre são como as costumamos ver,porem cabe a nós termos nossa consciência usar no senso critico,para não cometermos tantos erros,pois mesmo eles sendo a essência de nossa aprendizagem,as vezes não estamos preparados para certas frustrações,então não significa que deixaremos de viver,de arriscar, de viver ao Maximo as experiências que a efemeridade dos momentos nos impõe,significa apenas que precisamos nos preservar por um tempo ate que nos sintamos seguros de nossas capacidade emocionais,de discernimento,para que assim superemos nossos medos,nossas dores,classificando-as em as que nos fizeram crescer e as que nos fizeram sofrer...não existi um todo mal,igualmente não existi um bel imaculado

Inserida por 250189