Lázaro do Espírito Santo de Freitas: Sou uma estrela distante, não tenho...

Sou uma estrela distante, não tenho nada a não ser minha humilde luz, luz de esperança de um amor fazer no céu duas marcas, ao brilho cativar todos os corações; vir a habilitar estrela sua e lhe dar o que a luz possa mostrar o amor que posso te devotar.

Inserida por h4ck4r