Lígia Ribeiro: As vezes sinto arrepios... Fortes...

As vezes sinto arrepios... Fortes arrepios...
Sinto sua pele junto a minha, meu corpo estremesse...
Imagino você do meu lado, me aquecendo nas noites de inverno.
Aquelas noites geladas... Seu amor me aquece, me incendeia, me toma por inteira.
Mas logo sinto que estava num sonho...
Minha realidade não é essa... O frio é forte,
Sinto que vou congelar...
Você me deixou, meu coração congelou.
Só seu amor, aquele fogo descongelará...
Já não sinto mais aqueles arrepios...
Já não sinto mais nada.
Queria poder estar num sonho profundo, das nossas noite de inverno.
Das mais quentes noites de inverno...
Estou indo para um lugar longe daqui, longe das lembranças.
Vou me aquecer no fogo da solidão.... Da solidão que me designei...
INVERNO... TRAGA-ME DE VOLTA AQUELE AMOR...
TRAGA-ME DE VOLTA AQUELAS NOITES GELADAS INCENDIANTES, AO LADO DO MEU AMOR...

Inserida por ligiaribeiro