Fabio Venancio: Eu não abri mão de um sonho por medo...

Eu não abri mão de um sonho por medo de sonhar.
Eu abri mão... pois quando ele se tornou realidade, a minha realidade não conseguiu este sonho carregar.
Vou lembrar dele como um sonho, daqueles do qual não se quer acordar.
Minha realidade é bem diferente, mais não me impedirá de continuar a sonhar.
Seja sonho ou realidade, o fato é que NUNCA deixarei de te amar (...)

Inserida por FabioVenancio