DESCONHHECIDO: Quando a noite vem Penso em sua ternura...

Quando a noite vem
Penso em sua ternura
Sei que lá fora
Quantas agressões
E desventuras...
Dentro, em mim...
Sonhos adormecem
Mas a vida continuará
Apesar de tantos que padecem
Existirá um tempo de esperança
Talvez no olhar de uma criança

Inserida por zacum