Marilda Bottino: As fronteiras do amor são imaginárias,...

As fronteiras do amor são imaginárias, como o vento que sopra e me leva em pensamento. Não há limites na alma, não há limites no vôo.
Hoje sou mais feliz do que ontem, pois tenho na minha mente e no meu corpo com quem compartilhar meus desejos e minhas realizações.
O sorriso é cada dia mais belo, o querer é imenso.
Basta viver cada minuto com a intensidade e a certeza de que serão perpetuados no espírito e impressos no coração.

Inserida por minhamirna