Leonardo italo (leo bala): Confusão. Vontade de fazer não sei o...

Confusão.

Vontade de fazer não sei o que.
Encruzilhada enorme, com entradas que me trazem de volta a mim.
Maestro sem uma sinfonia.
Muitos instrumentos e nenhuma nota.
Descoberta da cura para uma doença ainda não criada.
Descontentamento contente, com satisfações pouco satisfatórias.
Indecisões nos pensamentos, confusão nas atitudes, duvidas nas respostas.
Dias assim todos nos passamos, mesmo tento duvidas da própria memória.
Mais ate que o dia acabe, vou procurar ainda não sei onde a resposta, mesmo que as perguntas não tenham fundamento.
Um dia com imperfeições perfeitas, com cores não vistas, de sabores ainda não degustados.
Inúmeras perguntas ainda sem respostas, probabilidades improváveis.
Como será a morte, como é o fim do universo, ou mesmo se ele tem fim, e se tem, como ele seria?
O homem realmente foi à lua, ou foi tudo uma conspiração?
Duvidas que me corroem e que me deixam com mais duvidas neste dia duvidoso.
Um porre me cura, um trago me acalma, um bom bar me explica?
Sei lá!
Uma resposta certeira, para quem certamente tem duvidas de sua resposta!

Inserida por leobala