Gustavo H. Nascimento: Viverei Só sem graça Não quero nada...

Viverei

Só sem graça
Não quero nada da vida e não to nem ai para o que você pensa
Então me explique aonde eu erro?
Se tudo que eu faço eu faço bem
Se tudo que tenho eu tenho
Vivo por agora sem mais e nem menos, alem
Sei do que preciso, e não fico sem
As pessoas sempre me olham quando eu ando na rua
Faço o que me der na telha
E devo dizer só me divirto com isso
Não tenho aquele brilho que todos querem ter
Mas olhe bem nos meus olhos você vai encontrar aquele brilho malicioso
Não quero fazer agronomia nem engenharia...
To fora de administração...
Minha vida é simples, sem complicação
Pare com essa mania de querer acertar em tudo
Erre! errar é tão bom
Parece que você não é capaz de segurar o mundo
E daí eu não quero mesmo
Por mim o mudo que caia, eu só quero estar numa boa quando isso acontecer
Que pareça o que você quiser pensar
Por mim não faz mal...
Ainda viverei, tão intensamente
Que quando eu morrer todos pensarão
Ate que enfim parou...

Inserida por gustavohn73