Ninguém: Já estou me sentindo vazio, Tudo que...

Já estou me sentindo vazio,
Tudo que veio, virou uma dor.
Preciso fazer o que eu mais gosto,
Que é escrever algumas linhas de amor.
Que amor é esse que eu escrevo?
Nele às vezes fico perdido.
Sinto-me tão bem quando vem,
Mas quando vai eu fico ferido.
Vem leve, gostoso e sereno,
Feito o vento que toca meu rosto
Mas dói saber que o seu sonhado amor,
Está em algum lado oposto
Sinto-me o mais insignificante,
Por perto de ti eu não estar.
Odeio toda essa distância,
Que me impede de te tocar.
Sinto-me tão imprestável.
Perco-me, e me acho um palhaço.
Sinto-me um completo nada,
Por não poder te dar um abraço.
Queria ver você todos os dias,
Permanecer neles só contigo.
Queria te dizer o quanto amo você,
Assim, ao pé do teu ouvido.
Tenho tanto pra falar pra ti,
O amor por você não se mede.
Posso não demonstrar tudo isso,
Mas a te amar, NADA me impede.

Inserida por naohc